top of page

Quais as igrejas Barrocas em São João Del Rei: Curiosidades!

São João del-Rei, uma joia do interior de Minas Gerais, é uma cidade que respira história e cultura, e suas igrejas barrocas são verdadeiras testemunhas do esplendor artístico e religioso do período colonial brasileiro. Com suas fachadas ornamentadas, talhadas em pedra sabão e ouro, essas igrejas católicas transportam os visitantes para uma época de fervor religioso e riqueza artística.

A mais imponente delas é a Igreja de São Francisco de Assis, projetada pelo mestre Aleijadinho e considerada uma das sete maravilhas de origem portuguesa no mundo. Sua riqueza escultórica e arquitetônica é de tirar o fôlego, com detalhes minuciosos que revelam a maestria do artista.

Outra joia é a Igreja de Nossa Senhora do Carmo, que impressiona com sua fachada curvilínea e o uso exuberante do ouro. Já a Igreja de São José, embora menor, não deixa de encantar com sua simplicidade e elegância.

Neste texto, exploraremos as curiosidades por trás dessas igrejas barrocas de São João del-Rei, mergulhando na história e na arte que as tornam tesouros inestimáveis da nossa herança cultural. Prepare-se para uma viagem no tempo e na beleza que define essa cidade histórica.


ÍNDICE:


A Riqueza Arquitetônica das Igrejas Barrocas de São João Del Rei

Igreja de São Francisco de Assis de São João Del Rei - Um Ícone do Barroco Mineiro

As Curiosidades Históricas por Trás das Igrejas Barrocas de São João Del Rei

As Festas Religiosas e Culturais Ligadas às Igrejas Barrocas de São João Del Rei

Conclusão!



A Riqueza Arquitetônica das Igrejas Barrocas de São João Del Rei


São João del-Rei, um tesouro escondido nas montanhas de Minas Gerais, é uma cidade que reverbera a grandiosidade do período barroco brasileiro por meio de suas magníficas igrejas. A riqueza arquitetônica desses templos sacros é um testemunho impressionante da devoção religiosa e do talento artístico da época.

A Igreja de São Francisco de Assis, uma das principais joias da coroa, é um exemplo extraordinário do gênio de Aleijadinho. Sua fachada esculpida em pedra sabão e ouro é uma obra-prima da arte barroca, e seu interior é igualmente deslumbrante, com altares ricamente ornamentados.

A Igreja de Nossa Senhora do Carmo, com sua fachada curvilínea e requintada, é uma ode ao estilo rococó. Ela brilha com detalhes dourados e uma decoração interior que exala esplendor.

A simplicidade elegante da Igreja de São José também merece destaque, com sua nave encantadora e altar-mor gracioso.

Essas igrejas barrocas de São João del-Rei não são apenas testemunhas da história, mas também monumentos vivos da criatividade humana e da devoção espiritual que continuam a cativar visitantes de todo o mundo, convidando todos a apreciar a riqueza arquitetônica do passado glorioso do Brasil.


Igreja de São Francisco de Assis de São João Del Rei - Um Ícone do Barroco Mineiro


A Igreja de São Francisco de Assis em São João del-Rei é um tesouro indiscutível do barroco mineiro e uma das joias arquitetônicas mais deslumbrantes do Brasil colonial. Erguida no século XVIII, essa igreja é um ícone da maestria artística e religiosa que floresceu na região.

Projetada pelo renomado escultor e arquiteto Antônio Francisco Lisboa, popularmente conhecido como Aleijadinho, a igreja é uma obra-prima da estética barroca. Sua fachada é uma profusão de detalhes esculpidos em pedra-sabão e adornados com ouro, criando uma impressionante fusão de elementos religiosos e artísticos. Os ricos painéis esculpidos retratam cenas bíblicas e figuras santas, deixando os visitantes maravilhados com a precisão e expressão das esculturas.

O interior da igreja não fica atrás em esplendor, com altares magnificamente ornamentados, púlpitos esculpidos e um teto ricamente decorado. A capela-mor, com sua pintura ilusionista que cria a sensação de profundidade, é particularmente notável.

A Igreja de São Francisco de Assis de São João del-Rei é muito mais do que um local de devoção religiosa; é um monumento à habilidade artística e à devoção espiritual que marcaram a era do barroco mineiro, continuando a inspirar e encantar visitantes de todo o mundo. É um testemunho vivo da riqueza cultural e histórica do Brasil.


As Curiosidades Históricas por Trás das Igrejas Barrocas de São João Del Rei


As igrejas barrocas de São João del-Rei, verdadeiras preciosidades arquitetônicas e artísticas, guardam curiosidades históricas que lançam luz sobre a rica história da cidade e do Brasil colonial. Aqui estão algumas das fascinantes curiosidades por trás desses templos sagrados:

  1. Igreja de São Francisco de Assis e Aleijadinho: Esta igreja é uma das principais atrações de São João del-Rei e foi projetada pelo mestre Aleijadinho, um dos mais renomados artistas do período colonial brasileiro. A história conta que Aleijadinho, já sofrendo de uma doença degenerativa que afetava suas mãos, teria amarrado os cinzéis às mãos para continuar esculpindo as obras-primas presentes na igreja.

  2. Tesouro de Ouro: As igrejas barrocas de São João del-Rei são notáveis pelo uso abundante de ouro em suas decorações. Muitos acreditam que o ouro utilizado na Igreja de São Francisco de Assis e em outras igrejas da cidade foi extraído da famosa mina de Morro Velho, uma das mais produtivas da região.

  3. Festa do Divino Espírito Santo: São João del-Rei é famosa por sua tradicional Festa do Divino Espírito Santo, que acontece anualmente e envolve procissões, danças folclóricas e celebrações religiosas. As igrejas barrocas desempenham um papel central nessas festividades, servindo como locais de culto e celebração.

  4. Restauração e Preservação: Muitas das igrejas barrocas de São João del-Rei passaram por extensos trabalhos de restauração ao longo dos anos para preservar sua beleza e importância histórica. O esforço contínuo de conservação garante que esses monumentos permaneçam acessíveis às gerações futuras.

  5. Patrimônio Cultural: A cidade de São João del-Rei, com suas igrejas barrocas, foi reconhecida como Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO, em conjunto com outras cidades históricas de Minas Gerais, demonstrando a importância cultural e histórica desses locais.

Explorar as igrejas barrocas de São João del-Rei é uma experiência enriquecedora que nos conecta com a rica herança histórica e artística do Brasil colonial, oferecendo um vislumbre das vidas e das habilidades dos artesãos e artistas que contribuíram para sua criação. É um mergulho profundo na história e na cultura desse tesouro escondido nas montanhas de Minas Gerais.


As Festas Religiosas e Culturais Ligadas às Igrejas Barrocas de São João Del Rei


As igrejas barrocas de São João del-Rei estão intrinsecamente ligadas a uma série de festas religiosas e culturais que desempenham um papel central na vida da cidade. Essas festividades são momentos de devoção, tradição e celebração cultural, e geralmente ocorrem em torno das igrejas históricas, enriquecendo ainda mais a experiência dos visitantes. Aqui estão algumas das festas mais notáveis relacionadas a essas igrejas:

  1. Festa do Divino Espírito Santo: Esta é uma das festas mais importantes e tradicionais de São João del-Rei. Ela celebra a terceira pessoa da Santíssima Trindade e envolve procissões, missas solenes, músicas e danças folclóricas. As igrejas, especialmente a de Nossa Senhora do Carmo, são centrais para essas celebrações, onde muitos rituais religiosos e festivos ocorrem.

  2. Semana Santa: Durante a Semana Santa, as igrejas barrocas ganham vida com uma série de cerimônias religiosas que relembram a Paixão, Morte e Ressurreição de Jesus Cristo. As procissões pelas ruas estreitas de São João del-Rei são impressionantes, e a Igreja de São Francisco de Assis desempenha um papel de destaque nessas celebrações.

  3. Cavalhada: A Cavalhada é uma tradição secular que ocorre anualmente em São João del-Rei. É uma representação dramática de uma batalha entre mouros e cristãos, que inclui uma colorida e emocionante encenação a cavalo nas ruas da cidade, perto da Igreja de São Francisco.

  4. Congado: O Congado é uma manifestação cultural religiosa afro-brasileira que homenageia os santos católicos, mas também preserva elementos das religiões africanas. As igrejas barrocas frequentemente servem como cenário para as festividades do Congado, que incluem danças, músicas e vestimentas tradicionais.

  5. Festas Regionais: Além das festas religiosas mais conhecidas, São João del-Rei também celebra festas regionais e folclóricas que destacam a cultura local, como o Carnaval de rua e a Festa de São João.

Essas festas não apenas fortalecem os laços da comunidade, mas também permitem que os visitantes mergulhem na rica cultura e tradição de São João del-Rei. As igrejas barrocas não são apenas monumentos históricos, mas também o coração pulsante das celebrações que mantêm viva a herança cultural e religiosa da cidade.



Conclusão


À medida que exploramos as igrejas barrocas de São João del-Rei e suas fascinantes curiosidades, somos levados a uma jornada no tempo. Estas igrejas, adornadas com detalhes meticulosos e imbuidas de história e devoção, são verdadeiros testemunhos do esplendor artístico e religioso que marcou o Brasil colonial.

As curiosidades que cercam esses templos sagrados, desde a mestria de Aleijadinho até as festas religiosas e culturais que ecoam através dos séculos, enriquecem a nossa compreensão da riqueza cultural dessa cidade histórica. As igrejas barrocas não são apenas monumentos arquitetônicos, mas também âncoras de uma herança que continua a inspirar e cativar.

São João del-Rei, com suas igrejas barrocas e suas tradições, é um lembrete vívido do passado glorioso do Brasil e um testemunho de que a arte e a devoção podem transcender o tempo. Convidamos você a visitar essa cidade encantadora, explorar esses tesouros e se perder na beleza e na história que as igrejas barrocas de São João del-Rei têm para oferecer.


Para mais informações entre em contato conosco! Pousada Casarão reservas@pousadacasarao.tur.br

R. Ribeiro Bastos, 94 - Centro São João Del Rei - MG (32) 9 9984-5677


31 visualizações0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page